slideshow

nerd girl

Dicas

Dicas pra conservar seus livros e tirar manchas amarelas

Leia o post

nerd girl

Resenha

Resenha: Como eu era antes de você

Leia o post

nerd girl

Resenhas

Resenha: Caixa de Pássaros

Leia o post

nerd girl

Dicas

7 motivos para você ler Jogos Vorazes

Leia o post

Páginas

[DIVULGAÇÃO] Eu li: Não tranque a porta- Amanda Ághata

quinta-feira, 19 de janeiro de 2017


Autora: Amanda Ághata Costa
Páginas: 04
Onde ler: Wattpad
Sinopse: Princesas nem sempre são bem educadas ou seguem à risca as regras já estabelecidas para honrar o título que carregam. Lorena é prova viva disso, pois não se importa com julgamentos alheios ou olhares de reprovação. Disposta a encarar novas aventuras e aproveitar ao máximo as sensações que o sexo casual proporciona, faz questão de deixar de lado os parâmetros sociais e coleciona inúmeros casos de uma noite com príncipes mal intencionados. Quando não se procura o amor, nem faz questão de vivê-lo, a solução é deixar todas as portas abertas para divertir-se ao máximo com os que estiverem dispostos a satisfazer os seus desejos mais sensuais. O que Lorena não sabe, é que nem sempre é necessário estar à procura para esbarrar em sentimentos que não imaginava que realmente pudessem existir.

Não tranque a porta é um conto, vamos conhecer a Lorena, ela não é uma princesa comum, não quer um príncipe que a leve ao altar, e sim ao prazer. Pelas quatro páginas  percebi que ela tem uma personalidade forte, não age como uma princesa que honra seu titulo, ela não é de se apaixonar e muito menos quer se casar. Max, é um dos visitantes do quarto da Lorena, mesmo ter tido outros encontros desse tipo com outros homens, ele é o único que consegue realmente mexer com a garota.

Os diálogos são bastante fluidos, a escrita da autora é leve e intrigante, gostei muito da Lorena, por ela não ser uma princesa comum, por trás de um titulo de nobreza, ela não é o tipo de '' princesa certinha'', não liga pra os que os outros pensam dela, se aventurando em novas sensações. O único contato que eu tive com esse gênero, foi com o livro cinquenta tons de cinza, e logo abandonei a leitura, a linguagem não me agradou, desde então eu tive receio de ler algo desse tipo novamente, por isso estava com receio de ler o conto da Amanda. Porém me surpreendi, a escrita dela é  maravilhosa e extremamente detalhista, não faz uso de uma linguagem pesada, mas sim poética, é até um pouco difícil assimilar que um conto erótico tenha tipo de linguagem, mas eu gostei bastante do conto,e quando acabou eu fiquei querendo ler mais, se a Amanda futuramente transformar o conto em um livro, eu certamente irei ler. 

Um comentário:

  1. Lu, adorei a resenha! Realmente, também não gosto de alguns livros do gênero erótico por causa do linguajar mais chulo, e evito esse tipo de padrão nos meus livros. Fico feliz que tenha gostado e que queira mais dessa história. Em breve vai virar um romance completo! <3 Grande beijo!

    ResponderExcluir